Nova Friburgo, RJ, Brasil. 04/1997 Nego, artista plastico e suas esculturas feitas no barro nas encostas de seu atelie. Criador da garrafa da cachaca Nega Fulo./ Carver Nego and his mud sculptures at his atelier hills. He is the designer of Nega Fulos cachaca bottle. Foto Marcos Issa/Argosfoto

Clique aqui para obter sua versão para impressão

O jardim do Nêgo – Nova Friburgo

               Geraldo Simplício. Já ouviu falar desse nome? Mais conhecido como Nego, Geraldo é um cearense que possui um dom artístico de encantar qualquer um. Se trata de um artista local que utiliza dos recursos da terra pra fazer esculturas incríveis. Numa manhã em 1981, caminhando num recanto do seu sítio, localizado na estrada que liga Friburgo à Teresópolis, ele olhou para um barranco de terra e viu a forma de uma mulher. Seguiu seu instinto e criou sua musa, também conhecida como sua primeira obra. Largou a arte de trabalhar com madeira e começou a esculpir nas encostas, criando figuras gigantescas. Surgiu, então, o Jardim do Nêgo, que já recebeu mais de 100 mil visitantes e é o primeiro museu do gênero no mundo. 

                Nascido em 1945, Nêgo já teve suas obras exibidas  no Museu Nacional de Belas Artes, no Rio, e na Feira de Artes de Friburgo. Muitas de suas peças foram adquiridas por alemães e algumas estão expostas no Museu de Stuttgart, na Alemanha. O mestre cearense nunca chegou a frequentar a escola. Nêgo diz ter uma “cultura auditiva”; é capaz de citar os cientistas Galileu e Stephen Hawking, e o escritor Franz Kafka em apenas uma conversa. Bom de papo, brinca que faz as esculturas apenas para atrair as pessoas e prosear.

               As obras de grandes proporções, com até 10 metros de altura, são feitas em barro por meio de uma técnica que mistura argila, pedra e areia. As esculturas talhadas a mão são recobertas com um limo verde, um tipo de proteção natural, e exigem manutenção diária devido a erosão do solo. O clima úmido faz com que o musgo cresça e faça o acabamento de cada uma das peças.Hoje 17 figuras humanas e animais esculpidas ao redor do terreno, que se tornou um verdadeiro museu a céu aberto.

“Não quero nada além desse jardim. Ele é minha loteria”, resume o artista.

 

Está a fim de curtir experiências únicas com um tratamento diferencial e exclusivo, deixe nos comentários suas dúvidas ou seu e-mail que estaremos entrando em contato. Aqui temos os pacotes, as rotas e atendimento exclusivos para vocês!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp chat
//]]>