Poços de Caldas a terra do requeijão mais tradicional do Brasil, o que tem para fazer?

Poços de Caldas a terra do requeijão mais tradicional do Brasil, o que tem para fazer?
Poços de Caldas a terra do requeijão mais tradicional do Brasil, o que tem para fazer?
Previous
Next
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Poços de Caldas é um município de Minas Gerais, localizado na mesorregião do Sul e Sudoeste de Minas, e é também o 15º município mais populoso do estado com 166 085 habitantes.

E Poços de Caldas reserva além de inúmeras belezas e uma ótima culinária, muitas atividades, inclusive radicais.

Pontos Turísticos de Poças de Caldas

Confira a seguir tudo o que Poço de Caldas tem para fazer:

  • Passeio de Teleférico

Sendo um dos principais atrativos de Poços de Caldas o Passeio de Teleférico sai do centro no Parque José Affonso Junqueira, levando o visitante até o topo da Serra de São Domingos, a mais de 1500 metros de altura, a cabine do teleférico é fechada e suporta até 4 pessoas de cada vez.

  • Voo Livre na Serra de São Domingos

Na Serra de São Domingos, além do Cristo Redentor que possui 16 metros de altura, também há outra grande atração, a rampa para voo livre.

Ainda que a pessoa não tenha coragem de saltar, vale a pena conferir a vista de lá, onde a cidade fica ainda mais bonita.

  • Mercado Municipal de Poços de Caldas

Se você deseja provar e comprar comidas típicas você tem que ir ao Mercado Municipal de Poços de Caldas.

O Mercado Municipal fica no centro da cidade e possui uma infinidade de produtos típicos da culinária mineira, tais como, queijos, manteigas, bebidas, doces, cereais, verduras e frutas.

O mercado pode até não ser muito grande, mas, conta com muita variedade e 200 boxes, além disso, os preços são muito acessíveis e você pode provar de tudo antes de comprar.

  • FEARPO

Todos os domingos e feriados na Praça dos Macacos ocorre a Feira do Artesanato de Poços de Caldas a FEARPO, existe muita diversidade com barraquinhas de peças de trabalhos manuais, assim como grande variedade da culinária mineira, com doces e muitas outras delicias.

  • Cachoeira Véu das Noivas

Mais um grande ponto turístico da cidade a Cachoeira Véu de Noiva é de fácil acesso, fica localizada em uma das entradas de Poços de Caldas.

Possui uma bela apresentação de queda de água e sua infraestrutura é ótima, há estacionamento, mirante e até mesmo uma feirinha de artesanato.

Do alto do mirante é possível ver a amplitude da cachoeira e sua queda d’água que é composta por 3 quedas principais.

Também existe um trenzinho que costuma divertir muitas crianças, sendo uma ótima dica para quem vai levar os pequenos ao passeio.

  • Cascata das Antas

Próximo a Cachoeira Véu das Noivas fica a Cascata das Antas que também conta com uma boa infraestrutura no local, o bom é que pela proximidade dos lugares, esses dois passeios podem ser combinados, sendo possível aproveitar a visita indo aos dois, o que melhora a programação em termos de deslocamento e tempo.

E o melhor de tudo é que além de possuir quedas de mais de 50 m de altura, Cascata das Antas também tem uma bela vegetação nativa e uma trilha que dá nas ruinas de uma antiga hidrelétrica de Poços de Caldas.

  • Thermas Antônio Carlos

Há 90 anos Poços de Caldas também atrai muitos turistas e pessoas em busca de tratamento para a saúde, devido a existência das Thermas Antônio Carlos, onde as águas termais brotam de suas três fontes.

Com inúmeras banheiras de hidromassagem, área para banhos, ofurô, piscina térmica e jardim de inverno, as Thermas Antônio Carlos são uma grande atração de Poços de Caldas, que já recebeu até mesmo o ex presidente Getúlio Vargas.

Inclusive também serviu de cenário para uma das novelas da Rede Globo, a novela Alto Astral.

O lugar fica localizado em um histórico e imponente prédio, do qual foi construído na década de 1930, estima-se que por ano passam por ali quase 30 mil visitantes.

Quem vai a Poços de Caldas também não pode esquecer de visitar o centro da cidade, pois, é lá que é possível encontrar cristais com técnicas de fabricação da cidade de Murano na Itália.

Nas lojas e fábricas do centro de Poças de Caldas é possível encontrar desde peças mais baratas até artigos de luxo.

Então, deu para observar que a terra do requeijão mais tradicional do Brasil possui muito mais do que uma boa culinária. É o destino perfeito para todas as idades e também para todos os gostos.

Nós da Voyager Viandar temos viagens organizadas com guia acompanhante saindo do Rio de Janeiro, com todo o conforto que você merece!
Vem com a gente!

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

O Lavandário de Cunha, o maior lavandário do Brasil!

O Lavandário de Cunha, o maior lavandário do Brasil!
O Lavandário de Cunha, o maior lavandário do Brasil!
Previous
Next
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

O Lavandário de Cunha está localizado no Vale do Paraíba, a 47 km de Guaratinguetá e cerca de 40 km de Paraty.

Em região montanhosa temos o cultivo da lavanda, que devido as condições favoráveis de clima e localização geográfica propiciou a criação do estabelecimento d’O Lavandário em Cunha.

Um projeto que contempla um rico desenvolvimento sustentável, através de um ambiente dinâmico e criativo que torna as suas visitas ainda mais especiais.

Sendo um ambiente de paz, tranquilidade e equilíbrio temos todo o charme da natureza para admirarmos.

Lavandário de Cunha

Poucas pessoas sabem que existe uma beleza inestimável como o Lavandário entre o Vale do Paraíba (SP) e o litoral sul do Estado do Rio de Janeiro.

A caminho de Paraty, a maior lavandaria do Brasil é a principal atração da estância climática do Vale do Paraíba desde 2013.

Mas, inicialmente o Lavandário era apenas um hobby, somente uma atividade a que se dedicava a proprietária, da qual iniciou a plantação apenas com 100 pés de lavanda.

Atualmente, sua propriedade já possui mais 40 mil pés de lavandas, sendo considerada a maior lavandaria do país, a maioria da plantação pertence a espécie Lavandula Dentata, que é equivalente a 15 campos de futebol na propriedade rural.

Curiosidades sobre o Lavandário de Cunha

A seguir você confere algumas curiosidades do Lavandário de Cunha.

Há flores durante o Ano todo

O Lavandário de Cunha possui um sistema de plantio e poda rotativo, dessa maneira, tem flores durante o ano todo, são 365 dias de campos floridos.

E a proprietária explica esse tipo de processo da poda rotativa, no site da instituição: “ Semanalmente podamos 300 pés que florescem depois em 3 ou 4 meses, no Lavandário você pode ver sempre plantas podadas, plantas começando a florir e plantas em fase de poda, além das mudas recém-plantadas que estão em fase de desenvolvimento. ”

Possui uma loja com souvenirs, artesanatos, óleos e outros produtos feitos de lavanda

O Lavandário tem no Casarão uma lojinha para venda de produtos artesanais, são produtos criados com óleos essenciais, produzidos a partir da destilação da lavanda e outras ervas aromáticas.

A partir desses óleos extraídos são produzidos: shampoo, condicionador, sabonetes, cremes, aromatizadores de ambiente, azeite e velas, entre outros souvenirs com preços acessíveis.

Além disso, eles também produzem outros produtos artesanais, e, existe também a possibilidade de adquirir os produtos por meio da loja virtual, acesse aqui.

Café com comidas artesanais de lavanda

A lavanda é utilizada tradicionalmente na culinária francesa, e no Lavandário você também pode experimentar comidas artesanais desenvolvidas com as ervas aromáticas.

No café, há muitas comidas e lanches saborosos para você se servir, são: bolachinhas doces de lavanda, chás, bolo de pinhão e lavanda, sorvete de lavanda, cupcakes, café, chocolate, água e entre outros.

Fotos Incríveis e Ensaio Fotográfico Profissional

Como um verdadeiro cenário digno de fotos incríveis o lavandário é o lugar perfeito para garantir belas fotografias.

Caso o viajante esteja em passeio, não há custo além do ingresso para tirar as fotografias.

No entanto, se desejar visitar o local para fazer um ensaio fotográfico profissional, será necessário realizar um agendamento prévio com o pagamento do valor de R$100,00. E os ensaios são permitidos somente às sextas-feiras, até às 16h.

Massagens e Vivências do Lavandário

No Lavandário de Cunha é possível fazer massagens relaxantes e terapêuticas com óleo de lavanda, esse tipo de serviço é realizado mediante agendamento prévio aos sábados e domingos. Com duração de uma hora, o custo da massagem gira em torno de R$200,00.

No lugar também é possível participar de uma interessante programação, as vivências.

Você pode participar de atividades como: plantação de mudas, poda de lavandas e acompanhamento do processo de destilação. Para participar desses tipos de atividade o ingresso custa em média R$40,00.

Preocupação com o Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável

Segundo a proprietária Fernanda Freire, que relata no site da atração: “A implantação do cultivo de lavandas no alto da serra, em antigo pasto, responde aos quesitos de sustentabilidade, recuperação e desenvolvimento de uma vocação regional”.

Dessa maneira, as reservas das matas originais existentes são mantidas, ou seja, há uma preocupação com o meio ambiente e a manutenção da fauna.

Podemos observar resultado disso, ao constatar que há um perfeito estado de equilíbrio ambiental, o que pode ser visto na presença de abelhas, répteis, insetos, seriemas, lagartos, diferentes aves e outros animais entre as lavandas. Além disso, também não é permitido fumar ou fazer qualquer tipo de fogo.

Por fim, existem várias possibilidades de hospedagem em Cunha, existem muitos chalés de madeira e vidro, que remetem ao clima da montanha.

Como chegar ao Lavandário de Cunha

De ônibus:

Você pode viajar de ônibus para Cunha com a Viação São José. Também existem saídas diárias da cidade de Guaratinguetá para Cunha.

De carro:

Vindo do Rio de Janeiro ou de São Paulo para Cunha, pegue a Rodovia Presidente Dutra (BR-116) até a cidade de Guaratinguetá.

Siga depois pela Rodovia Paulo Virgínio (SP-171), conhecida também como Estrada Cunha-Paraty, até o km 54,7, onde está localizado o Lavandário.

A propriedade encontra-se do lado esquerdo da estrada para quem vem de Cunha.

Horário de Funcionamento do Lavandário de Cunha:

De sexta-feira a domingo e feriados, das 10h ao pôr do sol.

Valores para Ingresso:

É cobrado o valor de R$ 10 por pessoa para a entrada no Lavandário de Cunha.

Maiores de 60 anos pagam meia-entrada e crianças até 12 anos não pagam.

Endereço: Rodovia SP-171, Km 54,7, S/n – Boa Vista, Cunha – SP, 12530-000
Telefone: (12) 3111-6034

Todos os anos nós da Voyager / Viandar organizamos viagens rodoviárias saindo do Rio de Janeiro que incluem a visita a esse fantástico lavandário, com guia acompanhando e você nano esquenta a cabeça com nada!

Vem com a gente!

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

As atrações de Vassouras, no Vale do Café

O que conhecer em Vassouras
O que conhecer em Vassouras
Previous
Next
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Também conhecida como a “Cidade dos Barões”, a cidade de Vassouras se encontra localizada no Vale do Paraíba Sul Fluminense, sendo considerada uma importante cidade do Vale do Café primordialmente pelo legado histórico do qual marcou no Século XIX com a grande produção e exportação de café.

Além disso, é uma cidade muito charmosa que reserva inúmeras atrações que certamente irão lhe agradar, pois, preservam a história por meio de fazendas, estradas, igrejas e antigos casarões que pertenceram aos grandes barões do café, dos quais também marcaram e fizeram parte da rica história do Brasil Imperial.

Ou seja, as atrações da cidade de Vassouras no Vale do Café farão com que você faça uma incrível viagem no tempo de volta ao passado, com pontos turísticos que encantam pela cultura e história que apresentam.

Então, confira a seguir as principais atrações da cidade de Vassouras e um pouco de tudo o que você poderá fazer no Vale do Café.

São muitas as possibilidades, mas, aqui elencamos os principais pontos turísticos e atrações da cidade de Vassouras, confira a seguir.

Protegido pelo IPHAN desde 1958, o Centro Histórico de Vassouras compreende um dos grandes principais conjuntos urbanos e paisagísticos fluminenses, fruto do ápice econômico gerado pela grande exportação de café da região no século XIX.

Seu eixo principal é caracterizado pela Rua Barão de Vassouras, da qual apresenta pontos como: a Câmara Municipal, a Praça Barão de Campo Belo, a estação ferroviária, o Chafariz Monumental, a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição e o Paço Municipal.

As ruas ao seu entorno também possuem outros imóveis que completam sua bela arquitetura, como por exemplo: a Casa do Barão de Itambé, a Casa da Cultura, o Lar Barão do Amparo.

Também há a praça Sebastião Lacerda, onde fica localizada a casa das 14 janelas, figueiras centenárias exuberantes e o Chafariz D. Pedro II.

Veja a seguir uma lista com os principais pontos turísticos de Vassouras:

Certamente esta é uma parada obrigatória para tirar fotos, a Praça Barão de Campo Belo possui belíssimas palmeiras imperiais e ao seu redor é possível observar a presença de antigos edifícios coloridos.

Como é o caso do Paço Imperial que já foi Palacete do Barão do Ribeirão e do Visconde de Cananéia, assim como foi posteriormente: cadeia, hotel, fórum, sede da prefeitura, Câmara Municipal. Hoje o Paço Municipal abriga a sede do IPHAN na região

Localizada na Praça também temos a Igreja Matriz Nossa Senhora de Conceição, da qual apresenta traços neoclássicos, sendo um cenário perfeito para belos retratos.

Essa Igreja foi construída em 1857, e também já foi uma das principais locações de Presença de Anita, minissérie da TV Globo.

O Centro Cultural Cazuza também fica na Praça Barão de Campo Belo exatamente onde a casa da mãe de Cazuza, a Lucinha Araújo, nasceu, lugar esse onde ele também passou muitas férias.

Essa construção também é protegida pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

O segundo andar desse espaço é inteiramente dedicado a Cazuza, onde há, muitos itens que ele usou em sua infância assim como no restante de sua vida, são letras de música, peças de roupa e fotos de show. O Centro Cultural também possui programação de exposições e concertos.

Com mais de 100 anos a Estação Ferroviária conta com uma antiga locomotiva onde é possível subir e conferir um pouco de como era o seu funcionamento, sendo possível visualizar um compartimento do qual era usado para colocar o carvão, sendo o combustível desse antigo meio de transporte. Em seu prédio temos o funcionamento do Memorial do Trem.

Também conhecida como Chácara da Hera essa Construção foi realizada em 1830, sendo a residência onde viveu a família de Joaquim José Teixeira Leite, esse palacete possui 22 cômodos com mobiliário, biblioteca, quadros, objetos de decoração e roupas da primeira metade do século XIX.

O Museu Casa da Hera abriga um verdadeiro exemplar de residência dos barões e senhores dos tempos do café.

Além disso, esse acervo ainda conta com um antigo piano e jardim de inverno, o último é inclusive considerado como uma atração à parte, já que possui rosas centenárias e um lindo túnel de bambu.

Para visitar o Museu Casa da Hera é necessário realizar um agendamento prévio.

Para que seu agendamento seja realizado você pode acessar: Museu Casa da Hera, e enviar sua solicitação para casadahera@museus.gov.br .

Horários de funcionamento do Museu:

Chácara – de segunda a sexta, das 10h às 17h; sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h.

Casa – de terça a sexta, das 10h às 17h; sábados, domingos e feriados, das 13h às 17h.

Esses são os principais pontos turísticos de Vassouras, essa charmosa cidade do Vale do Café.

Gostou da sugestão de Roteiro para passeio? Faça um comentário ou compartilhe com os amigos.

Nos da Voyager / Viandar fazemos viagens a Vassouras saindo da cidade do Rio de Janeiro, se hospedando por lá e com tour pela cidade já inclusos!

Caso queira conhecer esse destino conosco, nos mande uma mensagem!

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

O que é a rota das emoções?

O que é a Rota das Emoções?
Maranhão, Piauí e Ceará pela praia incluindo Lençóis Maranhenses, Delta do Parnaíba e Jericoacoara
Previous
Next

Imagine fazer um roteiro que inclui o melhor do litoral de 3 estados, os Lençóis Maranhense, o Delta do Parnaíba e a badaladíssima praia de Jericoacoara, e tudo na mesma viagem!

Pois fique sabendo que isso é possível e se chama rota das emoções é um percurso em torno de 900 km , feitos em jipes quatro por quatro , jardineiras , lanchas e balsas, entre estradas, dunas e a Beira Mar de praias fantásticas e estonteantes.

Nós preferimos fazer esta rota começando no Maranhão e terminando no Ceará pela logística do passeio de barco no delta do Parnaíba, mas isso não impede de a rota ser feita no sentido do Ceará ao Maranhão.

O nome rota das emoções é um projeto criado pelo Sebrae com o objetivo de fomentar o turismo nesse trecho do litoral. Não existe uma maneira única de fazer este roteiro, assim que você pode gastar de cinco dias o que é considerado pouco a uma semana ou muito mais, dependendo do que quer conhecer e quanto tempo quer ficar em cada lugar

Esse tipo de Roteiro não dá para você pegar seu carro e fazer por conta própria já que muitos trajetos são pela beira da praia, dunas e trilhas sendo necessário , alem de veículos especias, ter motoristas conhecedores do caminho e experientes em manejar os veículos neste tipo de terreno

O Ideal é você contratar um pacote com tudo já organizado.

Com a ideia do que vai fazer em cada lugar, você vai tranquilo com a certeza de que vai realizar todo o roteiro com o segurança.

A melhor Época do ano para fazer esta viagem é do final de maio até o final de setembro, isso por causa de um dos trajetos do roteiro , que são os lençóis maranhense.

É nesse período do ano que as dunas estão com as suas lagoas cheias, já fora deste período , as águas baixam de nível e não vamos encontrar os lençóis como vemos nos cartões postais.

Existem inúmeros locais que podemos visitar durante as rotas das emoções mas alguns aconselhamos para uma segunda viagem , como Tutóia, Barra Grande, Chaval , Barroquinha, Atins e Santo Amaro, mas aqui vamos ao “rota” mais tradicional, em um roteiro de uma semana e para quem faz pela primeira vez.

Preparação e cuidados para a aventura
A “rota das emoções” não é um passeio como outro qualquer, temos que ir preparados para o que vamos encontrar, como muitas estradas de areia carros que comportam pouca bagagem, muito sol, mar , rios e lagoas

Assim que para esta viagem, não se pode levar uma mala grande, somente malinhas pequenas, e como máximo, de uma bolsa de mão extra, já que tudo tem que caber dentro ou em cima dos Jeeps que farão nossos traslados de um local a outro por dunas e pela beira do mar.

Se prepare psicologicamente para a sua mala poder ir em cima do jeep, oque pode acontecer por questões de espaço, mas nao se preocupe, ela vai coberta e é muito bem tratada pelos jipeiros.

Mas igualmente você não vai precisar de muita roupa, já que os locais visitados são bem despojados e o clima é muito agradável; Não esqueça de levar chapéu, toalha e protetor solar, e não leve sapato de salto alto, já que na maioria dos lugares em você vai andar é de areia fofa.

Alguns veículos são preparados especialmente para esta aventura, como as jardineiras que saem de Barreirinhas para o Parque Nacional dos Lençóis Maranhense, para subirmos nelas, que ficam em uma altura um pouco mais elevada, exige um certo esforço.

E não é aconselhável este roteiro para os quem tem problemas fortes de coluna, já que esses veículos se movimentam muito quando vão pelas trilhas.

Já o jipes que fazem os trajetos entre as localidades são bem confortáveis e com ar-condicionado, não esqueça que eles também vão pela areia!

De são Luís a Barreirinha ou de Jericoacoara a Fortaleza o trajeto podem ser feitos em ônibus, microônibus ou vans, pois são trajetos que podem ser feitos pela rodovia.

Com tudo isso sendo levado em consideração, vamos ao roteiro!

Dia a Dia da Aventura

Maranhão

  • Primeiro dia
    A maioria dos voos pousam em São Luís, E o ideal é você colocar pelo menos um pernoite na capital do Maranhão, caso aconteça algum imprevisto com o seu voo, assim você pode sair bem cedo com destino a Barreirinha no dia seguinte, e já aproveitar a tarde deste dia para o primeiro passeio nos lençois.
    Se você tem mais tempo ,pode colocar mais noites em São Luís pois a capital do Maranhão tem muitos atrativos , mas caso a rota seja o seu foco, e você fique somente um pernoite, é aconselhável conhecer o centro histórico da cidade, com seu casario de azulejos, é algo imperdível.
  • Segundo dia
    Quanto mais cedo você sair de São Luís para Barreirinhas, que a cidade porta de entrada para os Lençóis Maranhenses, melhor, já que são em torno de 4h00 de viagem, e chegando em Barreirinha na hora do almoço você pode sair pela tarde com as jardineiras para ter o primeiro contato com as belezas naturais dos Lençóis, assistindo a um fantástico por do sol em uma de suas lagoas, e assim aproveita melhor o dia. A jardineiras sao abertas, assim que cuidado para nao perder seu chapéu para o vento!
  • Terceiro dia
    Neste dia o ideal é um passeio de dia inteiro de “voadora” (é como chamam a lancha por lá) pelo Rio Preguiça, para conhecer os vilarejos as margens deste importante rio dos Lençóis, como Vassouras, onde se encontram os pequenos lençóis, são dunas e lagoas de menor porte que os Grandes Lençóis que você viu no dia anterior, e os habitantes locais que são os macacos pregos que vivem soltos na região. Almoçar em Caburé que fica quase na desembocadura do Rio Preguiça e você pode tomar tanto banho de mar aberto como de rio, e fazer passeios de quadriciclo a beira mar,
    Depois a voadora te leva ao simpático povoado de Mandacaru, onde os habitantes são só sorrisos e existe um farol que é o símbolo do local. Tudo isso se deslocando em lanchas!
    Se você ficar mais noites em Barreirinhas, existe a possibilidade também de conhecer o povoado de Marcelino onde eles fazem artesanato com a palha da carnaúba a casa de farinha e também com uma flutuação em boias no delicioso rio formiga

Piauí

  • Quarto dia
    É hora de pegar a estrada e entrar no estado do Piauí , para conhecer o delta do rio Parnaíba, em mais um passeio de lancha para desbravar um dos maiores deltas do mundo! O rio Parnaíba percorre 1450 km até desembocar no oceano Atlântico, abrindo-se em cinco braços de RIO e envolvendo 73 ilhas fluviais, e é esse trecho final do rio que nós cfaremos o nosso passeio. Lá também há dunas a beira mar , e uma das ilhas fluviais foi escolhida pelas aves Guarás como dormitório, e ao final de cada tarde, nós podemos presenciar uma revoada de pontinhos vermelhos no céu buscando o seu espaço de descanso nas arvores desta ilha, um espetáculo único!
    Nesse dia é aconselhável dormir na cidade de Parnaíba e aproveite a oportunidade para degustar a iguaria mais típica da região, chamada torta de carangueijo!

Ceará

  • Quinto dia
    Já é hora de deixar o Piauí com destino ao Estado do Ceará!
    Chegando a Camocim, cruzamos em balsa o rio Coreaú onde a partir daí podemos esquecer o asfalto, pois vamos por dunas, lagoas e beira-mar até a charmosa, vila de Jericoacoara. No caminho podemos parar em uma das lagoas no meio das dunas para banho, e conhecer o singular cemitério de manguezais na praia de mangue seco. Se possível tente conhecer a barraca do Didi , ela é itinerante, pois conforme o nível das lagoas vai mudando a barraca também vai mudando de lugar, e tem um cardápio ao vivo onde você escolhe na bandeira o peixe fresco que será preparado para o seu almoço!
    Seu jipeiro com certeza saberá a localização dela no momento.
  • Sexto dia
    É o momento de conhecer as belezas naturais da região da vila de Jericoaquara, E tem muita coisa para conhecer! Como a pedra furada a árvore da preguiça e suas belíssimas lagoas como a lagoa do Paraíso Lagoa do Coração, Lagoa Torta , Lagoa Azul, Lagoa da Pinguella e agora o must do momento que é o Buraco Azul, um lago com um azul turquesa extremamente profundo, que na realidade fica em Caiçara. Não tente fazer tudo isso em um dia só, pois você assim não aproveita nada!
    Caso queira fazer todas as opções que eu falei aqui, tem que ficar como um mínimo de dois dias inteiros em Jeri. Se for ficar um dia só, escolha apenas duas lagoas para visitar, e no caminho veja a arvore e a pedra. No fim da tarde as pessoas se reúnem em uma duna ao lado da vila para assistir ao pôr do sol e a duna tem seu nome justamente por esse hábito local, a Duna do Por do Sol. A noite a vila se enche de luz e cor com inúmeros restaurantes bares e lojinhas abertos para o nosso desfrute, alguns inclusive com música ao vivo, não deixe de experimentar o camarão no abacaxi.
  • Sétimo dia
    Neste dia, muitos que fazem o roteiro em uma semana saem direto de Jericoaquara para o aeroporto de Fortaleza, isso eu não aconselho, pois existem muitas praias entre Geri e Fortaleza que vale a pena serem conhecidas!
    E como a distância de Geri a Fortaleza são em torno de quase 5h00 de viagem, é bom fazer esse trecho com calma, para não ser tão cansativo e aproveitarmos melhor o trajeto, sem contar que é mais seguro por causa dos horários dos aviões saindo do aeroporto. No caminho, se você ainda está em jeep, conheça a praia de Flecheiras e Lagoinha, inclusive Lagoinha pode ser uma opção de pernoite no lugar da capital Fortaleza.
    Existem voos saindo de Jericoacoara para o aeroporto de Fortaleza, mas são poucas opções e custam muito mais caro que os trajetos rodoviários.
  • Oitavo dia
    Hora de voltar para casa não esqueça que tem que estar no aeroporto 3h00 antes da decolagem do seu voo.

Espero que tenha gostado de saber como é a rota das emoções!

Nós da Voyager Viandar fazemos esse roteiro todos os anos, dentro do melhor período das águas das lagoas dos Lençóis Maranhense, e escolhemos os hotéis para ficar a dedo!

Além dos de jipeiros, há um guia acompanhando a turma durante toda a viagem, e ele fica à sua disposição tanto de dia como a noite para te dar as melhores dicas e organizando tudo para que você só esquente a cabeça em se divertir!

Siga o nosso blog para mais dicas !

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Aparições da Virgem Maria na cidade de Natividade

Aparições da Virgem Maria na cidade de Natividade
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Você já ouviu falar em Aparições da Virgem Maria em Natividade?

Natividade é uma cidade do estado do Rio de Janeiro, localizada no Noroeste Fluminense, essa cidade é conhecida pelas festividades e romarias.

Aliás, anualmente há a comemoração em homenagem a Nossa Senhora no dia 12 de Julho.

Onde fica o Sítio das Aparições

O Sítio das Aparições fica a apenas 6 km do centro da cidade, e é lá que fiéis de todo o país vão não apenas reafirmar a sua fé, como também orar, fazer pedidos e também agradecer.

Aliás, o Sítio das Aparições que também é conhecido como Sítio dos Milagres, é onde há a construção de uma réplica fiel da casa de Maria, em Éfeso na Turquia.

Foi lá que o médico e advogado Dr. Sebastião Fausto Barreira de Faria viu a santa por cinco vezes entre as décadas de 60 e 70.

Aliás, não só a viu, como também recebeu mensagens da mesma, além disso, em uma de suas aparições a Santa deixou-lhe um objeto, uma pedra que apareceu do nada misteriosamente em suas mãos.

Como se não bastasse o relato de suas aparições pelo médico, houveram também testemunhas oculares que presenciaram o ocorrido em algumas dessas aparições.

Como surgiram as Aparições de Maria Santíssima em Natividade?

As aparições de Maria Santíssima em Natividade ocorreram em um rego na Fazenda de Coqueiro, propriedade essa que era da família do médico e advogado Dr. Fausto Faria, antes da réplica da casa de Maria ser construída, mais precisamente entre os anos de 1967 e 1977.

E foi no dia 12 de Julho de 1967 que a Maria Santíssima entregou ao médico a pedra misteriosa com instruções precisas por meio de suas mensagens, que orientavam o Dr. Fausto Faria.

O fato além de ter sido presenciado por várias outras pessoas que acompanhavam o médico e estavam no local no momento da ocasião, também foi documentado e registrado no cartório da cidade de Natividade.

Quando foi construída a réplica da casa de Virgem Maria em Natividade?

A réplica da casa de Virgem Maria foi construída em 1974 pelo Dr. Fausto Faria, por meio das visões que teve o médico e advogado, construiu a casa no local onde ocorreram as aparições.

Muitos se perguntam o que há na réplica da casa de Virgem Maria, sendo idêntica àquela que Maria viveu em Éfeso na Turquia.

Na casa em Natividade há uma cópia do Santuário em Éfeso, com três oratórios e também uma cópia da reprodução do retrato de Maria, do qual foi feito com base em suas visões.

No Sítio das Aparições de Virgem Maria existe também um quadro que contém guardado as mensagens que a Santa passou ao Dr. Fausto Faria.

Além disso, também existe a pedra miraculosa que é guardada na réplica da casa.

Acima de tudo, no Sítio dos Milagres também temos a água do córrego que é recolhida em bicas, muitos fiéis acreditam e afirmam que essa água possui poderes curativos.

E é claro, que ainda que haja descrição mais detalhada, nada se compara a vermos com nossos próprios olhos.

Ter a sensação de estar em um local tão sagrado como este é uma experiência única, afirmam muitos fiéis que visitam o Sítio das Aparições em Natividade.

Dessa maneira, o Sítio dos Milagres ou Sítio das Aparições em Natividade tornou-se local para de peregrinação para toda a comunidade católica e os romeiros também, dos quais fizeram do local um lugar para suas orações.

Todo ano a cidade de Natividade recebe milhares de fiéis, tanto brasileiros como também estrangeiros, todos visitam o Santuário das Aparições de Nossa Senhora de Natividade em busca de conforto espiritual e também para participar das homenagens a santa.

Não deixe de conferir esse lugar que oferece paz com a réplica do Santuário de Maria, este lugar de religiosidade certamente fará bem.

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Sítio Burle Marx com Capela Magdalena – 21 de Maio – Day Tour

Sítio Burle Marx com Capela Magdalena
21 de Maio - Day Tour
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

NOSSOS DIFERENCIAIS

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

ROTEIRO DA VIAGEM

Saída pela manhã, em local e horário a ser determinado pela equipe Voyager Club, com destino à Capela Magdalena em Guaratiba. Prepare-se para fazer uma viagem no tempo, onde a música será nosso condutor, num espaço destinado a encantar os sentidos, com o Maestro Roberto de Regina que construiu e ornamentou, em sua própria residência, a CAPELA MAGDALENA.

Começamos a visita sendo recepcionados por um pajem vestido com roupas de época. Logo após, assistiremos a um concerto de cravo tocado pelo próprio Roberto de Regina, que por sinal, aos seus 94 anos ainda toca o cravo com grandeza.

Após o concerto, ele estará a disposição de todos para tirar duvidas e explanações, com o devido distanciamento social. e em seguida, visitaremos o Museu Ronaldo Ribeiro. O Museu inicialmente foi criado como um hobby, depois se transformou em algo condizente com a grandeza da Capela Magdalena. O Museu Ronaldo Ribeiro reúne cerca de 500 peças. São réplicas de transportes, castelos, catedrais, a maior parte montada por Roberto de Regina. Nesse Museu, o artista tenta resgatar toda a história da evolução tecnológica dos transportes, com locomotivas, carros, navios, automóveis e embarcações, além de oferecer aos visitantes a oportunidade de conhecer ou relembrar os vários monumentos famosos da Europa, como a Catedral de Notre Dame, Duomo de Firenze, entre outros.

Após a visita, será servido o maravilhoso almoço preparado pelo Chef Ronaldo Ribeiro. O almoço também vai de encontro com a analogia do musical de cravo.

De lá, partiremos com destino ao Sítio Burle Marx, localizado em Guaratiba. A Unidade Especial Sítio Roberto Burle Marx tem uma área de mais de 400 mil m2, onde está reunida uma das mais importantes coleções de plantas tropicais e subtropicais do mundo. Cultivada em viveiros e jardins ao ar livre, a coleção apresenta mais de 3.500 espécies de plantas, entre as quais exemplares únicos das famílias Araceae.

O acervo possui mais de 3.000 itens, incluindo obras do próprio Roberto. Além de paisagista, ele era pintor, desenhista, designer, escultor e cantor.

A visita será acompanhada por um monitor que explicará toda a parte histórica do local.

Por motivo da pandemia, nossa turma será dividida em grupos de 5 pessoas com um monitor cada, e com intervalo de 15 minutos entre o início de cada visita.

Terminando a impressionante visita ao Sítio Burle Marx, seguiremos para ao Santuário de Nossa Senhora de Fátima para uma breve visita, onde existe uma réplica idêntica da capelinha evocativa das aparições aos três Pastorinhos de Fátima, Lúcia, Francisco e Jacinta, e quem já esteve no santuário em Portugal e visita este, fica verdadeiramente impressionado pela semelhança!
Você não precisa sair do Rio de Janeiro para se sentir em Fatima, Portugal.

Após o passeio, retorno aos desembarques. Até nosso próximo passeio!

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

INCLUSO NO PACOTE

NÃO INCLUSO NO PACOTE

LOCAL DE EMBARQUE

VALORES POR PESSOA

  • Em até 3x de R$ 124,00 no cheque/cartão.
  • À vista, R$ 338,00  – na Promoção da Voyager Club, você ainda pode parcelar seu passeio no Boleto Bancário com este valor de desconto, desde que a última parcela tenha vencimento 10 dias úteis da saída do passeio (consulte-nos).
RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

QUANTO A DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Café Ouro Verde do Vale do Bananal – 22 de Maio – Day Tour

Café Ouro Verde do Vale do Bananal
22 de Maio
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

NOSSOS DIFERENCIAIS

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

ROTEIRO DA VIAGEM

Saída pela manhã, em local e horário a ser determinado pela equipe Voyager Club, com destino a Bananal. A cidade teve seu apogeu no séc XIX, com a produção de café. Grandes fazendas e palacetes urbanos ainda nos remetem ao período.

Chegando a Bananal, teremos um café da manhã na fazenda Boa Vista, uma das principais da região. Em seguida, conheceremos a belíssima fazenda Loanda, que possui uma grande quantidade de objetos escravocratas, louças, porcelanas e cristais, em uma visita com um guia especializado no roteiro. Esse é um local que nos faz voltar no tempo!

Logo após, iremos ao centro de Bananal, com o objetivo de conhecer a Praça Central, onde a Igreja Matriz se destaca, sendo um convite ao passado. O artesanato é típico da região, com artigos de crochê, fuxico, além de doces de compotas.

Para o almoço, reservamos um lugar especial, a Fazenda dos Coqueiros. A fazenda é um mergulho na história, pois guarda memórias do Brasil na época do café, além de revelar os segredos dos barões e sua rotina com os escravos na época. Teremos um almoço típico da região com muitos doces caseiros de sobremesa. Logo após, retorno ao Rio de Janeiro.

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

INCLUSO NO PACOTE

NÃO INCLUSO NO PACOTE

LOCAL DE EMBARQUE

VALORES POR PESSOA

  • Em até 3x de R$ 116,00  no cheque/cartão.
  • À vista, R$ 300,00 – na Promoção da Voyager Club, você ainda pode parcelar seu passeio no Boleto Bancário com este valor de desconto, desde que a última parcela tenha vencimento 10 dias úteis da saída do passeio (consulte-nos);
RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

QUANTO A DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Teresópolis com Feirinha Light – 23 de Maio – Day Tour

Teresópolis com Feirinha Light
23 de Maio - Day Tour
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

Teresópolis é uma belíssima cidade que reúne vários estilos variados de turistas, por ter cenários românticos, restaurantes charmosos e feirinha de artesanato. Para os aventureiros a principal atração é o Parque Nacional da Serra dos Órgãos.

Essa reserva abriga o principal cartão-postal da região, o pico Dedo de Deus, a 1.692 metros de altitude, além do Mirante do Soberbo e a Pedra do Sino para os adeptos da escalada.

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

NOSSOS DIFERENCIAIS

ROTEIRO DA VIAGEM

Saída pela manhã, em local e horário a ser determinado em direção a Teresópolis, um município na serra do estado do Rio de Janeiro aconchegante e muito convidativo para um dia especial.

Nosso dia começa com uma parada no Mirante do Soberbo para fotos, de onde teremos uma bela vista do Dedo de Deus, um dos símbolos da região.

Em seguida, partiremos para a feira de artesanato, também conhecida como Feirinha do Alto, a mesma existe desde 1983 e reúne artesãos de diversos ramos artísticos em mais de 700 barracas. Os destaques são para as peças de vestuário, vendidas em grande variedade e preços convidativos. Hoje com 823 expositores de produtos variados, como móveis e utilidades de bambu e palha, além de móveis e utilidades em madeira e couro, bijuterias e semijoias, alimentos artesanais (pães, bolos, chocolates, licores, doces e salgados, etc), comidas típicas de vários estados brasileiros, e na sua grande maioria roupas fabricadas em pequenas confecções caseiras, um lugar ótimo para fazer compras!

Teremos um city tour panorâmico pela cidade de Teresópolis no nosso veículo com um guia local, passando pelos principais pontos da cidade.

De lá, vamos conhecer o Shopping do Alto, com decoração acolhedora e aconchegante e lojinhas pequenas com preços ótimos. Também vamos conhecer a Igreja de Santo Antônio, a Matriz de Santa Teresa, a Fonte Judith, a Cascata do Imbuí e um tempo livre para tomar um Gelato Italiano no Viva Itália.

Ao fim da tarde, retorno ao Rio de Janeiro, até nossa próxima viagem!

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

INCLUSO NO PACOTE

NÃO INCLUSO NO PACOTE

LOCAL DE EMBARQUE

VALORES POR PESSOA

Valores por Pessoa à vista depósito bancário ou transferência :

  • Adulto e criança a partir de 10 anos: R$ 125,00;
  • Criança de 06 a 09 anos: R$ 95,00;
  • Gratuidade para criança de até 5 anos viajando no colo;

Na Promoção da Voyager Club, você ainda pode parcelar seu passeio no Boleto Bancário com este valor de desconto, desde que a última parcela tenha vencimento 10 dias úteis da saída do passeio (consulte-nos).

Valores por Pessoa parcelado com o nosso link:

  • Adulto e criança a partir de 10 anos: 5 X de R$ 28,00;
  • Criança de 06 a 09 anos: 5 x de R$ 21,00;
  • Gratuidade para criança de até 5 anos viajando no colo.

QUANTO A DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Petrópolis Ligth – 29 de Maio – Day Tour

Petrópolis Light
29 de Maio - Day Tour
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

UM POUCO SOBRE PETRÓPOLIS

Em 1830 D. Pedro I adquiriu a fazenda do Córrego Seco para construir uma residência na Serra, onde a Família Imperial pudesse escapar dos sufocantes verões da Quinta da Boa Vista, no Rio de Janeiro, em sua homenagem a cidade ganhou seu nome, Cidade de Pedro.

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

ROTEIRO DA VIAGEM

Teremos nossa primeira parada na Casa do Alemão, com tempo livre para aprecisar aquele delicioso croquete, logo em seguida , uma visita externa ao imponente Palácio Quitandinha, importante edifício histórico, que foi construído para ser o maior hotel cassino da América do Sul.

Depois, tempo livre para compras na Rua Teresa, o maior polo de roupas de Petrópolis, com opções para todos os bolsos e gostos, lá também teremos tempo livre para almoço, onde o guia acompanhante pode indicar uma opção ao seu gosto.

No nosso tour panorâmico, vista externa ao Museu Imperial , que outrora foi o Palácio de Verão do imperador brasileiro Dom Pedro II.

Visita a Catedral de São Pedro de Alcântara, que alberga o mausoléu do imperador e da sua esposa, não deixando de lado a visita ao lindo e magnífico Palácio de Cristal, inspirado nos Crystal Palace de Londres e do Palácio de Cristal do Porto, construções estas feitas para receber as famosas Exposições Universais.

Também teremos tempo para conhecer a Casa de Santos Dumont (ingressos não inclusos) e tirar fotos na réplica do 14 Bis localizado na praça do mesmo nome, o museu de cera e a Chocolateria.
Após o nosso tour , retorno ao Rio de Janeiro, até nossa próxima viagem!

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

INCLUSO NO PACOTE

NÃO INCLUSO NO PACOTE

LOCAL DE EMBARQUE

NOVIDADES

Valores por Pessoa à vista depósito bancário ou transferência :

  • Adulto e criança a partir de 10 anos: R$ 125,00;
  • Criança de 06 a 09 anos: R$ 95,00;
  • Gratuidade para criança de até 5 anos viajando no colo;

Na Promoção da Voyager Club, você ainda pode parcelar seu passeio no Boleto Bancário com este valor de desconto, desde que a última parcela tenha vencimento 10 dias úteis da saída do passeio (consulte-nos).

Valores por Pessoa parcelado com o nosso link:

  • Adulto e criança a partir de 10 anos: 5 X de R$ 28,00;
  • Criança de 06 a 09 anos: 5 x de R$ 21,00;
  • Gratuidade para criança de até 5 anos viajando no colo.
RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

QUANTO A DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM

Café Ouro Verde do Vale do Bananal – 05 de Junho – Day Tour

Café Ouro Verde do Vale do Bananal
05 de Junho - Day Tour
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email
Share on print

NOSSOS DIFERENCIAIS

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

ROTEIRO DA VIAGEM

Saída pela manhã, em local e horário a ser determinado pela equipe Voyager Club, com destino a Bananal. A cidade teve seu apogeu no séc XIX, com a produção de café. Grandes fazendas e palacetes urbanos ainda nos remetem ao período.

Chegando a Bananal, teremos um café da manhã na fazenda Boa Vista, uma das principais da região. Em seguida, conheceremos a belíssima fazenda Loanda, que possui uma grande quantidade de objetos escravocratas, louças, porcelanas e cristais, em uma visita com um guia especializado no roteiro. Esse é um local que nos faz voltar no tempo!

Logo após, iremos ao centro de Bananal, com o objetivo de conhecer a Praça Central, onde a Igreja Matriz se destaca, sendo um convite ao passado. O artesanato é típico da região, com artigos de crochê, fuxico, além de doces de compotas.

Para o almoço, reservamos um lugar especial, a Fazenda dos Coqueiros. A fazenda é um mergulho na história, pois guarda memórias do Brasil na época do café, além de revelar os segredos dos barões e sua rotina com os escravos na época. Teremos um almoço típico da região com muitos doces caseiros de sobremesa. Logo após, retorno ao Rio de Janeiro.

RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

INCLUSO NO PACOTE

NÃO INCLUSO NO PACOTE

LOCAL DE EMBARQUE

VALORES POR PESSOA

  • Em até 3x de R$ 116,00  no cheque/cartão.
  • À vista, R$ 300,00 – na Promoção da Voyager Club, você ainda pode parcelar seu passeio no Boleto Bancário com este valor de desconto, desde que a última parcela tenha vencimento 10 dias úteis da saída do passeio (consulte-nos);
RECEBA INFORMAÇÕES DESTE PASSEIO AGORA MESMO!

QUANTO A DOCUMENTAÇÃO PARA EMBARQUE

Ficou alguma dúvida?

ONDE ESTAMOS

ENVIE UMA MENSAGEM